22 de ago de 2013

Ansiedade é inimiga da perfeição e de tudo que você pode imaginar. É uma merda!

Uma pessoa lhe aborda e diz que algo muito bom e grande está para acontecer. Mas ela não diz quando. E aí, o que você faz?

A ansiedade pode transformar a melhor expectativa em pesadelo e isso pode acabar com a coisa boa que poderia acontecer. Nunca se pode confiar na ansiedade, pois, ao mesmo tempo que ela dá frio na barriga e suadeira nas mãos, ela pode fazer você queimar a largada e surtar num ponto desnecessário.

Eu estou numa situação delicada atualmente, meio que sem saber o dia de amanhã, e isso me deixa muito ansiosa. Eu leio a Susan Miller e já acho que amanhã minha vida vai mudar. Eu fico assistindo coisas na internet, querendo conversar a cada 10 segundos. Me tornei uma pessoa extrovertida e carente de atenção.

Se eu gosto de como estou me comportando? Claro que não. Por isso resolvi postar aqui, tornar pública a minha necessidade de falar sobre isso com a missão de acabar com esse sentimento de "quero que tudo fique bem AGORA".


É uma vergonha ter que expor a vida para conseguir um pouco de paz, ao mesmo tempo, é uma forma de se forçar a corrigir o que está dando errado. O que eu acredito é que todo tipo de superexposição é, na verdade, um pedido de ajuda. Até os casos mais escrotos são consequência de uma ansiedade por atenção, cliques, audiência, que seja, algo que a pessoa acredite ser bom e necessário. No meu caso, como eu estou com as expectativas baixas, não farei nada vexatório, apenas escrevo neste blog e espero que alguém possa se identificar. Queria ganhar dinheiro escrevendo, pode ser em outro blog. Sei lá, estou ansiosa pelas coisas que podem acontecer, e ninguém ainda nem falou nada.


Nenhum comentário: